O meu filho está preso - parte 1

Fica hoje, aqui, a primeira parte de um conjunto de folhas afixadas num prédio em ruínas, na Rua Rodrigues Sampaio (Lisboa, paralela à Av. da Liberdade, do lado esquerdo de quem desce).

Aparentemente, há um drama que envolve a prisão de um rapaz. O pai está desesperado e revoltado. O filho tem telemóvel, fala línguas e mexe em computadores.

Hollywood, onde estás tu?

(carreguem na imagem para verem melhor)

Sem comentários: