O difícil é escolher!

Já aqui deixei escrito que, se pudesse, me punha a andar para fora de Lisboa. Insisto que as vantagens que as pessoas vêem na grande cidade são, na maior parte, uma ilusão. Mas há um sector onde, aí sim, viver na Grande Alface (ainda ninguém se lembrou desta...) apresenta imensas vantagens: a diversão.

Na presente época, o difícil para quem ande por esta terra é escolher o que fazer. Por todo o lado há ofertas culturais. E quando digo "ofertas" quero mesmo dizer "coisa dada", "grátis", "à borla", "custo zero" (esta é para os economistas). Ele é o Festival ao Largo, no Chiado, com música, teatro e dança; ele são as Festas de Lisboa; ele é (isto já parece Francês) a miríade de exposições em galerias; ele é o aniversário do Museu Berardo (que, já de si, é totalmente gratuito); ele é o Festival de Música da Cartuxa, em Caxias (sim, porque os arredores também contam)...

Nesta altura (e, nas outras, a coisa também não é nada má), só fica em casa quem for mono!

Mas, como se já não bastasse aquilo que é à borla, ainda há aquilo que é barato. Ir ao teatro pode ser baratíssimo. Por exemplo, a "A Comuna", dois dias por semana (Quarta e Quinta) tem os bilhetes a cinco euros (!). Como se isto não bastasse, ontem, ao apresentar-me para comprar um ingresso para a sua mais recente peça - "Sangue" -, ainda tive a surpresa de ele me ser oferecido porque o espectáculo estava nos três primeiros dias de exibição! Se não foi esta a explicação, foi outra coisa parecida. Confesso que estava meio aparvalhado, ali, com uma nota na mão e a rapariga a dizer-me que não tinha de pagar nada. :)

Hoje, por exemplo, temos Mário Laginha e Bernardo Sassetti no Castelo de São Jorge; amanhã, música em Caxias e dança no Chiado; Domingo, música no Jardim da Estrela, Segunda-Feira, Rodrigo Leão na FNAC...

Se é por isto que a vida me sai mais cara, se é isto o "luxo" de viver na capital, então, está bem, aceito o fardo e... aproveito o mais que puder!!!


Ficam aqui alguns links interessantes:
Festas de Lisboa, Festival ao Largo, Festival de Música da Igreja da Cartuxa, FNAC, Le Cool Magazine

Sem comentários: