O meu filho está preso - parte 3

Terceira e última parte da saga "O meu filho está preso".

O facto de uma das folhas ter sido arrancada da parede poderá impedir-nos o acesso a informações vitais para a compreensão da história. Que segredos seriam ali revelados? Quem seria comprometido? A "progenitora", o pai, o filho? A directora da Casa Pia? Nunca chegaremos a sabê-lo.

Mas o último episódio realça algumas das linhas de força do enredo. O "filho" tem computador e telemóvel. Também teve duas "negas" na escola. Se isso foi, ou não, consequência do estado do frigorífico, não se sabe. Apenas se pode especular. Apenas de pode imaginar o que se terá passado verdadeiramente naquela casa da Rua do Salitre...

Para quando o filme?

1 comentário:

Anónimo disse...

Realmente é muito weird. Eu também reparei nessas folhas coladas nesse prédio, há cerca de um mês atrás, visto que o meu dentista é quase ao lado do prédio onde elas estão afixadas.

É uma narrativa confusa, mas pode ser que alguém se dê ao trabalho de investigar mais.