As tainhas são umas "gandas" doidas!

A Europa-América publicou mais um utilíssimo guia prático capaz de fazer as delícias dos amantes da "arte" da pesca.

Da autoria de Henri Deuil e traduzido pela Ana Maria Castro Gonçalves, é um livro que nos reserva pequenas surpresas como esta, do capítulo dedicado às tainhas:

(...) Há alguns [iscos] que se desmancham mal o peixe lhes dá uma chupadela e, portanto, não chegam a ter utilidade.

O toque da tainha é deveras emocionante, porque não é um toque direto, antes parece que ela se diverte a brincar com o isco. Vem uma e chupa-o com as pontas dos lábios, mordisca-o, cospe-o. Vem outra e faz o mesmo - e o isco a afastar-se de nós...

Mas não tenha presa. Quando uma tainha engole o isco, o
engole mesmo, mergulha a grande velocidade e a bóia afunda-se. Então dê-lhe linha, deixe-a cansar-se antes de ferrar. (...)



Agora percebi o porquê de haver tantos filmes porno passados em barcos de pesca...

1 comentário:

Adamastor disse...

:) tu compras esses livros ???
Muito, muito porno...
abraço