A arte da manipulação

O Jornal de Notícias bota na sua capa de hoje uma foto de uma "ação" de pacifistas (termo que hoje em dia se confunde com "dreads" e "anarcas") sob o título de "Fronteiras barradas a pacifistas". Não sei se entre estes pacifistas se contam o casal luso-espanhol que se fazia acompanhar de uma catana e mais outras armas brancas, cartazes com polícias portugueses e motes escritos em Castelhano (delicioso este pormenor); ou ainda aqueles rapazes de negro que costumam - por amor à paz -, andar a partir montras de lojas e a incendiar carros. Agora, o que eu sei de certeza é que, por mero acaso, a fotografia do Jornal de Notícias foi tirada em plena Praça do Rossio, o "centro mais central" da capital de Portugal... al.

3 comentários:

Diario de Ribeira disse...

Você é um jovem muito viajado, geralmente a gente que viaja costuma ser culta, tolerante, de mente aberta.
Pergunto só pergunto você tem algum problema com a Espanha ou os espanhóis.
Tal vez gostes de .www.a25abril.org, obrigado e saudos de manueldominguez.es

catinga disse...

Caro Manuel,

Com espanhóis que respeitem os outros (ou seja, sejam cultos, tolerantes e de mente aberta) não tenho problemas alguns. O problema é que isso é uma espécie rara, pelos exemplos que me surgem. No caso do casal referido no texto, o seu compatriota é uma besta que, não contente por impor a sua cultura à "fêmea", ainda vem para o país dela tentar fazer o mesmo.

Retribuo-lhe a gentileza da indicação do "link" com a referência a duas datas interessantíssimas: 1143, 1640

Cumprimentos.

Diario de Ribeira disse...

Retribuo-lhe a gentileza da indicação do "link" com a referência a duas datas interessantíssimas: 1143, 1640

RESPOSTA. a minha resposta a esas datas e este trabalho e entrega www.a25abril.org, feito por un galego saudos.-www.manueldominguez.es