Quem faz as coisas, fás-lias bem!!!


Comentário deixado no artigo "Renasceu a Lisboa antes do terramoto", no jornal Público.

Sem comentários: